terça-feira, 17 de janeiro de 2012

DIA DA NOIVA

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

In Vision ou out vision, qual é a sua? Pr Ari Pinheiro


A visão é dada a alguém com espírito de liderança e amor pelas almas, geralmente para alcançar determinada parcela da população mundial. Assim, uns entram em ação no Oriente Médio, outros na África; outros na Ásia; América do norte e assim por diante.
Para alguns Deus dá o ministério de missionário urbano, o qual se dá muito bem nas cidades, outros trabalham bastante em hospitais, cárceres e etc. Tudo está relacionado a visão, a qual é distribuída segundo o alcance intelectual e espiritual do agente em questão. Estar focado na visão é tudo, o segredo do sucesso é nunca pulverizar em outros nichos aquilo que foi pré-estabelecido por Deus.
Quando alguém troca de denominação, ele vem para outra realidade. Não é outro Cristo nem outro evangelho, apenas outra visão. Se ele chega e não se adapta aos métodos usados na nova casa, fica out vision, ou seja, fora da visão, criando assim conflitos internos e externos, pois não se afina com as lideranças formadas dentro da visão dada ao líder primaz desta congregação. Geralmente se torna uma pessoa frustrada ministerialmente, pois não consegue se adaptar as novas regras, nem consegue implantar suas idéias, já que o bom líder sempre mantém sua nau na rota certa, sem ligar para ruídos adjacentes.
Tem gente que acha que só pelo fato de ter sido evangelizado de uma maneira mais radical, deve continuar radical a vida inteira, esteja onde estiver. Onde aporta quer implantar seus usos e costumes como se fosse ele o dono da visão da igreja. Para estas pessoas, quem não se coaduna pelas suas idéias está fora dos “padrões divinos” e, portanto, fadado à perdição eterna. O tempo tem mostrado que não é bem assim que a banda toca. Deus opera em cada lugar segundo os dons que distribuiu ali, e Sua presença é sentida pelos espirituais, pelos que se preocupam em ficar in vision, ou seja, dentro da visão!
Se Jesus viesse hoje começar seu ministério restaurador, tenho certeza seria banido de muitas de nossas igrejas. Por certo Ele andaria a restaurar usuários de crack, traria as prostitutas, homossexuais e bandidos para ouvir no templo; o que escandalizaria a muitos. Não tenho dúvidas que muitos líderes colocariam Jesus em disciplina, no banco, e por um longo período. A graça não é entendida no todo, e o metodismo tem impossibilitado a salvação de muitas almas, pois grande parte dos ditos “evangelizadores” tem andado out vision; longe do verdadeiro caminho da salvação. Desvalorizaram o sacrifício da cruz, transformando o mestre em agente bancário; imobiliário; despachante e, em alguns casos, até em curandeiro.
Para entrarmos 2012 in vision devemos recordar uma frase simples de Jesus Cristo: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida, e ninguém vai ao pai senão por mim.”
Precisamos parar de inventar caminhos, regras e traçados. Precisamos pregar um evangelho que salva a alma e transforma um simple mortal em cidadão dos céus. Cura divina, ascenção social; liderança e outros quetais são apenas efeitos colaterais do evangelho, cuja mensagem precípua é livrar o homem do jugo do pecado. É religá-lo ao Pai criador, chamá-lo de volta às suas origens, de onde foi raptado desde o Édem.

Feliz 2012 à todos, Sempre in vision!